The performance of companies with female participation in the executive board and the Corporate Sustainability Index

No Thumbnail Available
Date
Journal Title
Journal ISSN
Volume Title
Publisher
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC/SP
Abstract
Description
The role of women in the labor market, difficulties and confrontations, as well as the discrepant participation in relation to male performance, are recurrent themes in the literature of social sciences and applied social sciences. In line with this interest, in a business moment in which economic growth and sustainable development are sought, sticking to an indicator that reflects sustainability becomes relevant as well. In this sense, the survey chose the Corporate Sustainability Index – ISE created and maintained by Brasil Bolsa Balcão – B3. Thus, the objective of the study was to identify the contribution of female participation in the executive board in the performance of companies that make up the Corporate Sustainability Index. This is a descriptive research with documental survey procedures. The results indicate statistical differences between the averages presented by the companies studied in relation to Net Income, Operating Income, Return on Assets, Current Liquidity and Short-Term Indebtedness. We did not find statistical differences for the Return on Operating Assets and Return on Equity indicators. The results suggest a better performance in publicly traded companies that hire women in executive board positions. This study contributes from a practical point of view to signaling low female participation in management positions. It also contributes, from a theoretical point of view, to the discussion about gender in the management of large corporations, contributing to the Theory of Gender Socialization.
A atuação da mulher no mercado de trabalho, dificuldades e enfrentamentos, bem como a participação discrepante em relação à atuação masculina, são temas recorrentes na literatura das ciências sociais e ciências sociais aplicadas. Alinhado a este interesse, em um momento empresarial em que se busca o crescimento econômico e o desenvolvimento sustentável, apegar-se a um indicador que retrate a sustentabilidade, se torna relevante também. Nesse sentido, a pesquisa elegeu o Índice de Sustentabilidade Empresarial – ISE criado e mantido pela Brasil Bolsa Balcão – B3. Deste modo, o objetivo do estudo foi de identificar a contribuição da participação feminina na diretoria executiva no desempenho das empresas que compõe o Índice de Sustentabilidade Empresarial. Trata-se de uma pesquisa descritiva com procedimentos de levantamento documental. Os resultados indicam para diferenças estatísticas entre as médias apresentadas pelas companhias estudadas em relação ao Lucro Líquido, Lucro Operacional, Retorno sobre Ativos, Liquidez Corrente e Endividamento de Curto Prazo. Não encontramos diferenças estatísticas para os indicadores Retorno sobre Ativos Operacionais e Retorno sobre o Patrimônio Líquido. Os resultados sugerem um desempenho melhor em companhias abertas que contratam mulheres em cargos de diretoria executiva. Este estudo contribui do ponto de vista prático para a sinalização da baixa participação feminina em cargos de direção. Contribui ainda, do ponto de vista teórico, para a discussão sobre gênero na gestão de grandes corporações, contribuindo para a Teoria da Socialização do Gênero.   
Keywords
Female Participation, gender, Gender Socialization Theory, Performance., Participação Feminina, gênero, Teoria da Socialização do Gênero, Desempenho.
Citation
Collections